Skip to content

Idosos ao volante, oportunidade de ouro para o mercado de automóveis

Por GLAUCO LUCENA

A proporção de motoristas com mais de 60 anos de idade vem crescendo de forma muito rápida no Brasil. Nossa pirâmide etária se aproxima da dos países mais desenvolvidos – quase uma reta, com base bem semelhante ao topo. A expectativa de vida sobe, adultos têm cada vez menos filhos. E os avanços da medicina fazem com que idosos tenham uma vida cada vez mais ativa. Esse contingente acima de 60 continua dirigindo, comprando carros. Mas me parece um tanto desprezado pelas montadoras, pelo marketing e pelo varejo.

idosos1

Só para citar o exemplo de São Paulo, projeções demográficas feitas pela Fundação Seade indicam que, em 2030, o Estado terá 9,3 milhões de idosos, aumentando dos atuais 14% para 20% do total da população. Em pouco mais de dez anos, a população com 65 anos ou mais deverá igualar-se à população com menos de 15 anos.

Toyota é apontada como a montadora que menos emite CO²

Há um potencial muito grande para montadoras que “adotarem” o público de terceira idade. Sem parecer estigmatizar o carro como “de velho”, até porque nenhum idoso vai querer carro com esse rótulo. Como fazer isso? Respeitando as necessidades desse público com mais itens de conforto, melhor ergonomia, mais assistentes de segurança, talvez com boa dose de automação.

Esse é o tema da coluna desta semana em iG Carros. CLIQUE AQUI E CONFIRA NA ÍNTEGRA!

nissan-idoso

Categories

Blog

Tags

,

Leave a Reply

%d bloggers like this: